Mentoria de Coaches – 5 pontos para começar

Mentoria de Coaches

Eu trabalho como Coach de Carreira e como Mentora de novos Coaches. O que não deixa de ser uma forma de adaptar pessoas a uma nova profissão, que embora não seja uma profissão regulamentada por um órgão como tantas outras demais que conhecemos, é uma metodologia que pode ser aplicada por pessoas certificadas e que tenham feito isso em instituições sérias de preferência com respaldo internacional.

Semana passada eu recebi novos Coaches para iniciarem um processo de mentoria e alguns deles me fizeram a seguinte pergunta: Se qualquer um pode fazer uma formação em Coaching e pode atender, como meu cliente saberá que está sendo atendido por alguém que possa de fato ajudá-lo? Esse mercado pode algum dia terminar por mal uso das ferramentas aprendidas na formação? Essas perguntas me chamaram a atenção pois desde minha certificação inicial há quase 10 anos, estes são questionamentos frequentes.

Eu sempre respondo a esses questionamentos dizendo que qualquer ferramenta em qualquer profissão sendo utilizada por quem não pratica, por quem não tem uma postura profissional, pode sim, causar estragos, mas não se pode culpar a “faca por quem a feriu” As pessoas precisam saber escolher com quem vão trabalhar e hoje em dia uma referência não é muito difícil de encontrar.

5 Pontos que sempre abordo logo de início no processo de mentoria:

– Encare o Coaching como uma atividade profissional que é seu “carro chefe”. Se você não se sentir como Coach e não olhar essa atividade como negócio, dificilmente se tornará um Coach requisitado de agenda cheia.

– Estude, troque com outros Coaches suas dificuldades, forme grupos de estudo de casos e busque um Mentor ( mais experiente ) que possa ajudá-la nesse início de atendimento, essa atitude vai ajudá-lo a se sentir mais seguro.

– Você não precisa ser um expert no tema de necessidade de seu Coachee, mas precisa ter em mente que ferramentas ou técnicas pode ajudá-lo. Aprenda a fazer perguntas. Isso tem um extremo valor! Coach não resolve, Coach ajuda a encontrar as respostas através de perguntas bem elaboradas.

– Seja organizado, cuidadoso e respeitoso com tudo que fará e ouvirá antes, durante de depois da sessão/reunião de Coaching. Use mecanismos já existentes no mercado para isso. ( se tiver dúvidas nesse ponto, me pergunte)

– Receba bem seu Coachee, ainda que você não tenha um local com toda graça que você gostaria de receber, foque nos detalhes que tornam o ambiente acolhedor. Faça com que se sinta seguro, diferenciado desde o início, ainda que seja um pró-bonus ( gratuito).

Se você gostou dessas dicas ou quer saber mais sobre como se tornar um Coach de sucesso, deixe seu comentário, com sua opinião e suas sugestões de tema.

Katia Vega

Master Career & Life Coach

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Email

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *